08 julho 2013

Entre a leitura e o ler

Há tempo eu queria retornar ao mundo da leitura. Fazia tempo que eu estava longe. Bem longe, na verdade. Fato é que muitos estudos: faculdade e pós, mais minha atividade do dia-a-dia, de certa maneira, não me deixavam achar um tempo para ler. Também é fato que, de certa maneira, demorava a escolher um título, pois queria achar um melhor que o outro. Por vezes ficava em lançamentos. Por vezes me frustrava com o que adquiria. Também não queria ler livros de bibliotecas. Queria os meus. Mas não "acertava", se assim posso dizer. Entendi que não era o meu tempo, ainda. Cada um é cada um, isso é fato. Bem fato. Mas (re)descobri, depois de tanto ler para estudar, o que faço quando preciso e pra não ficar para trás, a leitura. Na busca de um tablet, o qual não comprei por que não me tem, atualmente, utilidade, achei o Kindle. Eu já queria ler, estava lendo blogs e sites, principalmente aqui de Santa Maria-RS. E assim fui indo. E indo, cheguei até a (re)descoberta da leitura. Na busca da ler e de um foco (gosto de bons livros e procuro me guiar pelos que me inspiram a ler) cheguei até o Kindle e daí em diante a leitura me ajudou a me ajudar na leitura. Entendeu? Tudo bem, é por aí.

E lendo, cheguei até o Instagram que não conseguia instalar no meu celular (lugar que faço a maioria das coisas via internet). Lá, mais ainda, (re)descobri o melhor da leitura e conheci leitores apaixonados e viciados por livros. E venho conhecendo. Eles me inspiraram muito mais a ler. Hoje, troco com eles trechos de livros, que posto, indico leituras, escolho livros, leio seus trechos e cada vez mais vou me inserindo nesse universo que é o ler. Que é o livro e que eu tanto buscava. Isso, hoje, diz muito de mim. Esse foco diz muito de mim. Queria tanto voltar a ler e ter um norte para isso. E achei. As trocas no Instagram e nos blogs estão muito prazerosas. As dicas que acho e as que me passam, dão cada vez mais a certeza de minha propriedade na leitura. E isso é muito importante. Assim como acho importante ter sua biblioteca própria, muitas vezes, numa pequena estande de livros. Mas que pode - e deeeeve - crescer.

Lá no Instagram, onde tenho amigos que também são do facebook, conheci outros tantos que vem me acompanhando e isso é recíproco cada vez mais. Postar uma foto de um trecho de um livro é compartilhar, dividir aquilo que significa muito naquele momento e que pode, sim, inspirar outros leitores. Inclusive posso dizer que já arrebanhei dois amigos para buscar a leitura, também. Basta mostrar o caminho para isso.

Com este blog intitulado Leitura de Intervalo, simples mas bem meu, o que é um projeto para mais, quem sabe, (#leituradeintervalo), #hashtag criada nos intervalos de leitura que tenho e que foi inspirada nas hashtags do Instagram, vou postando. E postando, vou criando e recriando e descobrindo e (re)descobrindo. Lendo e crescendo. Aumentando meu horizonte e trocando com outros esse prazer que é ler.

Só tenho a agradecer a quem me inspira e que está aí, do ladinho, nos links do "Inspiram-me". Obrigado! Muito obrigado!

;) Cleuber Roggia

Nenhum comentário:

Postar um comentário